4 maneiras de prevenir as estrias sem precisar de tratamento

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

4 maneiras de prevenir as estrias sem precisar de tratamento

17 de novembro de 2017
Equipe Geração Fit

prevenir estrias

Prevenir estrias: conheça 4 maneiras de prevenir as estrias para não precisar de tratamento estéticos nunca mais. conheça exercícios, massagens caseiras e dieta protegem a pele desse tipo de lesão.

As estrias não avisam que estão chegando, nem dão sinal de que cansaram de surgir e, para a piorar a situação, são, muitas vezes, difíceis de tratar.

Estrias: o que são?

Estrias nada mais são do que lesões que ocorrem na pele quando há um estiramento muito grande. O problema é muito comum na adolescência, durante a fase do “estirão” se o crescimento acontece rapidamente, e não de forma gradual, ou e também na gravidez, por causa do ganho de peso devido ao grande estiramento da pele da barriga.

Existem tratamentos capazes de melhorar o aspecto das lesões, mas não as estrias em si. Por isso, o ideal é investir em hábitos saudáveis, fortalecendo a pele e prevenindo o surgimento de novas cicatrizes. Pensando nisso, o Geração Fit separou 9 importantes dicas para prevenir estrias:

4 dicas para prevenir estrias

1. Exercícios físicos

A prática de exercícios físicos e a manutenção do peso evita o estiramento da pele – o que causa as estrias. A atividade física mantém a pele firme, evitando as estrias. Só é preciso tomar cuidado com exercícios muito intensos, que podem levar ao ganho rápido de massa muscular e à hipertrofia, esticando demais a pele.

2. Cremes hidratantes

Uma pele hidratada tem mais resistência a rupturas. Hidratantes à base de óleo de semente de uva, macadâmia, amêndoas e rosa mosqueta são as melhores opções.

Duas aplicações por dia, pela manhã e antes de dormir, são suficientes. A região atrás dos joelhos, a barriga e a lateral do quadril são as áreas mais propensas às estrias e merecem cuidados especiais.

Durante a gravidez, a aplicação dos hidratantes pode ser feita até três vezes ao dia, mas vale falar com o ginecologista antes de escolher o produto que você pretende usar, evitando riscos ao bebê.
Uma dica é massagear as áreas mais propensas a sofrer com estrias ao aplicar creme hidratante, fazendo uma espécie de drenagem linfática para melhorar a circulação da área.

Aplicar os cremes fazendo uma massagem é importante, porque estimula a absorção dos princípios ativos do produto. O ideal é aplicar os cremes e fazer a massagem após o banho, quando os poros estão abertos.

3. Consumo de zinco

O zinco presente nos frutos do mar tem ação cicatrizante para a pele, mantendo-a sempre saudável e prevenindo o estiramento.

Além disso, o mineral tem propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes que atuam em favor da pele evitando infecções e irritações. A castanha-do-pará e o gérmen de trigo são excelentes fontes de zinco.

4. Consumo de silício

Aveia, milho, arroz, algas marinhas e frutos do mar são ricos desse nutriente. O silício regenera as fibras de colágeno e elastina, evitando a perda da elasticidade da pele. Além disso, o nutriente protege o colágeno já existente contra os radicais livres, ação que também ajuda  a previnir estrias.

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO