Perigos do micro-ondas

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

Perigos do micro-ondas

18 de abril de 2017
Equipe Geração Fit

perigos do micro-ondas

Perigos do micro-ondas: a praticidade proporcionada por este tipo de forno é proporcional ao riscos que ele oferece à nossa saúde.

O forno micro-ondas é o eletrodoméstico queridinho de muitas pessoas por facilitar o preparo e aquecimento de alimentos.

Existem diversas receitas realizadas inteiramente com seu auxilio (como bolos, pudins, molhos, etc.). Algumas pessoas já nem sequer possuem o forno convencional em suas casas. Mas você sabe quais as consequências que esse hábito pode trazer para sua saúde?

Perigos do micro-ondas

O funcionamento do aparelho é baseado na emissão de ondas eletromagnéticas que penetram nos alimentos, de 2 cm a 4 cm da superfície, agitando as moléculas de água, fazendo-as entrarem em atrito umas com as outras. Essa radiação pode escapar e prejudicar sua saúde se o micro-ondas estiver danificado.

Além disso, o uso do forno de micro-ondas pode reduzir a qualidade nutritiva dos alimentos e, ainda, oferecer riscos de contaminação. Por isso, é muito importante estar atento ao tipo de vasilha utilizada no aparelho, não devido a possível contaminação do alimento, como também ao risco de explosão.

Vasilhas de plástico representam um grande risco de contaminação pois, quando aquecido, libera itens como bisfenol, produto químico utilizado para endurecer plástico que está relacionado a diversos problemas de saúde, incluindo a diabetes, doença cardiovascular, infertilidade e ftalatos (que causam danos ao fígado, rins e pulmão, bem como anormalidades no sistema reprodutivo).

Recipientes de plástico desgastados ou rachados tendem a liberar ainda mais dessas substâncias. Comidas, como carnes e queijos tendem a absorver tais compostos.

Nunca faça uso de embalagens de margarina ou outros recipientes projetados para serem utilizados em baixas temperaturas. Esses recipientes não são estáveis ao calor e os itens químicos do plástico podem migrar para os alimentos durante o aquecimento.

Bandejas de espuma, encontradas em embalagens de carnes e frios, também são inadequadas para utilização no micro-ondas. Elas não são projetadas para serem aquecidas e podem derreter e contaminar os alimentos.

Já as vasilhas de metal, como já é do conhecimento de muitas pessoas, representam risco de explosão. A melhor opção é utilizar recipientes de vidro temperado ou cerâmica.

Cobrir um prato antes do reaquecimento no micro-ondas é inteligente: ajuda a evitar respingos, mantêm os alimentos úmidos e também ajuda a distribuir o calor de forma mais uniforme.

Cobrir um prato com filme plástico, porém, não é inteligente. Aquecer alimentos em um recipiente coberto com plástico pode gerar gases químicos que migram para a comida – mesmo quando o plástico não está tocando a comida diretamente.

Além de tudo isso, o tipo de aquecimento do forno de micro-ondas faz com que os nutrientes dos alimentos sejam reduzidos.

Dicas para usar menos o micro-ondas:

Planeje suas refeições com antecedência;

Se você sabe que vai precisar tirar algo do freezer para o jantar de amanhã, certifique-se de tirar no dia anterior à noite e colocar na geladeira, assim não seria necessário utilizar o micro-ondas para acelerar esse processo;

Não compre refeições congeladas

Você já deve saber que refeições congeladas não são muito saudáveis. Elas possuem conservantes e não são tão nutritivas. Esse é um bom incentivo para livrar-se delas e consumir comidas de verdade.

Compre milho para suas pipocas

Pipocas de micro-ondas podem ser muito práticas, contudo não são muito saudáveis e e nem sustentáveis. Compre o milho e estoure suas próprias pipocas, reduzirá o uso do micro-ondas.

Utilize o alarme do celular

Uma das maiores vantagens do micro-ondas é que ele se desliga sozinho após o tempo programado, e isso torna muito mais difícil queimar suas receitas. Mas se você tiver um timer ou colocar um alarme, pode evitar com que a comida queime no forno convencional, enquanto realiza outras tarefas

No começo, pode ser um pouco difícil largar esse hábito. Mas faça um teste: guarde-o por um mês ou dois e verifique como se sai sem ele. Ter menos coisas e ser consciente sobre seus hábitos é fundamental para aumentar sua qualidade de vida.

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO