6 conselhos de Harvard para um estilo de vida saudável

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

6 conselhos de Harvard para um estilo de vida saudável

4 de outubro de 2018
Equipe Geração Fit

estilo de vida saudável

Conselhos para um estilo de vida saudável: conheça 6 dicas da mais conceituada universidade do mundo para uma vida com mais saúde.

Quando falamos em estilo de vida saudável, nem sempre é fácil tomarmos as melhores decisões no que diz respeito à nossa alimentação diária.

Em pleno século XXI, devido a correria do dia-a-dia, muitas vezes, optamos pelo menos saudável, mais rápido e prático.

A saúde começa na mesa e são muitos os alimentos que contribuem para o bom funcionamento do organismo e para a prevenção de muitas doenças como diabetes, hipertensão e obesidade.

As regras da boa alimentação sugerem que devemos comer de tudo um pouco. No entanto, com abundância em alguns alimentos e moderação em outros.

Mas, não é só a alimentação que deve ser prioridade. A atividade física e uma rotina livre de stress são também pilares a importantíssimos a se considerar.

Para facilitar a vida a quem pretende começar agora um estilo de vida mais saudável, a Universidade de Harvard listou seis importantes conselhos:

Conselho para um Estilo de Vida Saudável

1. Frutas, legumes vegetais devem compor metade do prato

Estes alimentos de origem vegetal devem ser os protagonistas em qualquer refeição, sendo que quanto mais variada e colorida for, melhor.

Além de possuírem poucas calorias são ricos em nutrientes, principalmente fibras, e contribuem, por exemplo, para o bom trabalho intestinal e para um maior controle dos níveis de açúcar no sangue.

2. Apostar nos cereais integrais

Os cereais devem representar 25% do prato, como a quinoa, o arroz integral, a aveia, e o trigo integral. Os carboidratos complexos devem ser a principal aposta, pois além de ricos em fibras, promovem a saciedade.

3. Proteína, porém as magras

O consumo de proteína deve satisfazer as necessidades de cada pessoa e, em caso de dúvida, nada melhor do que consultar um nutricionista. Contudo, o segredo está na variação.

Carnes magras, peixes ricos em ómega 3 (como o salmão), leguminosas e frutas secas são algumas das opções.

4. As gorduras boas

Quando começamos a seguir um plano alimentar para perda ou manutenção de peso, uma das atitudes mais comuns é fugir das gorduras, mas atenção: há gorduras que são aliadas!

As gorduras saudáveis, como o azeite, o óleo de coco, oleaginosas e a pasta de amendoim são importantes para a boa saúde, contudo, devem ser consumidas com moderação.

Atenção! Gorduras saturadas ou trans devem ser evitadas ao máximo ou até mesmo banidas.

5. Líquidos, sim, mas cuidado com as escolhas

A ingestão regular de água é um dos pilares da boa saúde, mas a isso alia-se ainda o consumo de chá sem acúcar e de café.

Estas três bebidas são as que mais trazem benefícios trazem à saúde, ao contrário dos refrigerantes, bebidas ricas em açúcar, energéticas ou alcoólicas.

6. Movimente-se!

Como não poderia deixar de ser, a atividade física é parte fundamental de um estilo de vida saudável e, segundo a Universidade de Harvard, o recomendado é movimentar o corpo diariamente por, pelo menos, 30 minutos.

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO