Perigos dos recipientes de plástico

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

Perigos dos recipientes de plástico

19 de setembro de 2017
Equipe Geração Fit

recipientes de plástico

Usar recipientes de plástico para acondicionar comidas e bebidas é uma prática bem comum devido a praticidade, leveza e baixo custo deste tipo de armazenamento. Porém, por trás dos aparentemente inofensivos recipientes de plástico se escondem inúmeros perigos à saúde.

Os plásticos (ou mais precisamente, os ftalatos) são agora considerados o poluidor número um ao corpo humano. Eles são uma classe de substâncias químicas agregadas a uma série de produtos, tornando-os flexíveis e duráveis.

Tais produtos químicos também estão presentes em itens que muitas pessoas dificilmente considerariam como plásticos, como pesticidas, detergentes, cosméticos, medicamentos e, até mesmo o shampoo. Devido a sua vasta presença em nosso dia a dia, dificilmente conseguimos evitá-los por completo.

Segundo um estudo realizado pela EPA (Agência Americana de Proteção Ambiental), os plastificantes estão de 10.000 a 1.000.000 vezes mais concentrados em nossos corpos do que quaisquer outras toxinas já encontradas.

Por que substituir os recipientes de plástico?

O bisfenol presente nos recipientes de plástico, é uma substância que ao sofrer qualquer tipo de aquecimento, mínimo que seja, pode causar problemas na tireoide, problemas de digestão e até mesmo alguns tipos de cânceres. Portanto, não é a toa que especialistas e profissionais de saúde de todo o mundo têm recomendado que se evite o uso de recipientes de plástico, principalmente para acondicionamento de bebidas e comidas.

O ideal é tomar água e armazenar alimentos sempre em potes e garrafas de vidro, para, assim, manter uma vida mais saudável e se livrar das toxinas e males que o bisfenol causa.

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO