pH do Sangue: perigos do consumo em excesso de refrigerante

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

pH do Sangue: perigos do consumo em excesso de refrigerante

23 de junho de 2017
Equipe Geração Fit

pH do sangue

Você sabia que para cada 1 copo de refrigerante ingerido você precisa de 32 copos de água para neutralizar o pH do sangue?

A água mineral de boa qualidade precisa ter PH entre 7,0 e 7,5, isto porque o pH do sangue humano de uma pessoa sadia tem o pH de 7,4 e contém de 90 a 95% de água

Importância do pH do sangue para a saúde

Quando não o corpo humano não consegue equilibrar o pH do sangue ele torna-se ácido e propenso à infestação por parasitas e todos os males que eles trazem.

Um pH levemente alcalino do sangue aumenta a oxigenação das células e a imunidade, uma vez que, vírus e bactérias precisam de um meio ácido para sobreviver.

Mas o que o refrigerante tem a ver com essa história toda?

O pH do refrigerante é de 2.50, muito abaixo da média, não é mesmo? Logo, quanto mais refrigerante uma pessoa bebe, mais prejudicado ficará o pH sanguíneo.

O cálculo é simples: para eliminar 200 ml de refrigerante do corpo, precisamos tomar 32 copos de água com o pH acima de 7.80! Isso mesmo, um simples copinho de refrigerante traz com ele um abismo de substâncias prejudiciais.

A água, é o nutriente mais abundante no corpo e, infelizmente, pouco lembrada pelas pessoas. Todos sabem que não há vida sem água e que devemos tomar água diariamente para nos mantermos hidratados.

Mas, se é um nutriente tão importante, por que ainda existem pessoas que frequentemente trocam um bom copo de água por um de refrigerante?

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO