Existe obeso saudável?

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

Existe obeso saudável?

14 de setembro de 2017
Equipe Geração Fit

obeso saudável

Obeso saudável é considerado, por muitos, como aquela pessoa que está acima do peso, mas que apresenta um perfil lipídico com níveis de colesterol e triglicérides, além de outros dados bioquímicos, dentro do normal. Mas será então que essas pessoas são imunes às complicações decorrentes da obesidade, como as doenças cardiovasculares?

Um estudo recente de pesquisadores do Imperial College London e da Universidade de Cambridge, do Reino Unido, mostrou que apesar de os exames bioquímicos de pessoas obesas apresentarem resultados bons para o perfil lipídico, glicose sanguínea e pressão arterial, por exemplo, estas pessoas possuem um risco até 28% maior de ter um ataque cardíaco do que as pessoas que não possuem sobrepeso ou obesidade. Para chegar a esta conclusão, o estudo usou dados de mais de meio milhão de pessoas de dez países europeus.

Mito do obeso saudável

O obeso saudável foi desmistificado pelo estudo britânico, pois, apesar de apresentarem bons resultados para os exames bioquímicos, as pessoas com obesidade provavelmente virão a apresentar as complicações dessa doença crônica com o passar dos anos, caso não tomem medidas preventivas.

Dessa forma, não há garantia de que o perfil metabólico saudável atual dessas pessoas continue assim por muito tempo, visto que a gordura corporal, principalmente a gordura visceral, está associada à maior prevalência de doenças coronarianas, que levam ao infarto, e de distúrbios metabólicos em geral, como a produção excessiva de hormônios –insulina e cortisol, por exemplo – e o desenvolvimento de diabetes.

Além disso, a inatividade física, comum entre as pessoas obesas, também pode contribuir para o aumento do risco de doenças cardiovasculares. Um estudo brasileiro comprovou que a prática de atividade física está relacionada à melhora do condicionamento físico e redução do risco de doenças cardiovasculares por aumentar o número de hemácias e favorecer a capilarização dos músculos, que é o aumento da capacidade de consumo, transporte e captação do oxigênio que favorece a circulação sanguínea.

Portanto, o obeso saudável tem grande chance de apresentar as mesmas complicações que as pessoas obesas com perfil metabólico já alterado com o passar dos anos. Obesidade é sinônimo de inflamação e sobrecarga do sistema circulatório, das articulações, da respiração, do fígado, do sistema endócrino, entre outros.

Então, mesmo apresentando resultados bioquímicos bons, o obeso saudável deve preocupar-se com seu peso, principalmente com a sua composição corporal, visando diminuir a quantidade de gordura.

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO