Diferenças entre gorduras saturadas, insaturadas e trans

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

Diferenças entre gorduras saturadas, insaturadas e trans

23 de fevereiro de 2017
Equipe Geração Fit

diferenças entre gorduras

As diferenças entre gorduras saturadas, insaturadas e trans: entenda qual a real disparidade entre elas, onde são encontradas e quais os seus malefícios e benefícios.

A gordura é um componente presente em todas as células do nosso corpo, classificada como um macronutriente ao lado das proteínas e dos carboidratos. É uma molécula, normalmente formada por uma cadeia de três ácidos graxos unidos a uma molécula de glicerol.

Toda a gordura que não é usada pelo corpo é transformada, pelo fígado, em triglicerideos. Estes serão transportados pela corrente sanguínea até os tecidos, para serem armazenados em depósitos de gordura.

O alto consumo de gordura aumenta a propensão ao desenvolvimento de doenças crônicas, principalmente as cardiovasculares, como hipertensão, infarto e derrame, por aumentar a probabilidade de ocorrência de aterosclerose.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer, as gorduras parecem fornecer o tipo de ambiente propenso para o crescimento, multiplicação e disseminação de uma célula cancerosa.

Destacando-se produtos de origem animal ricos em gordura saturada, como carnes vermelhas, maionese, leite integral e derivados, bacon, salsichas, linguiças e etc.

O ganho de peso e o acúmulo de gordura na região abdominal também está relacionado ao desenvolvimento do diabete tipo 2.

Veja quais são os tipos e as diferenças entre gorduras:

Gordura Saturada

A gordura saturada é um derivado dos produtos de origem animal. Quando está em temperatura ambiente se estabiliza em estado solido.

É encontrada principalmente em carnes vermelhas e também brancas, pele de aves, creme de leite, manteiga, iogurte e azeite de dendê, bacon, dentre outros.

Ela É considerada uma gordura ruim para o organismo humano, principalmente pelo fato de aumentar o colesterol ruim, causando alguns problemas de coração.

Para uma pessoa que possui uma dieta balanceada e come de forma saudável, a ingestão sugerida é de no máximo 20 gramas por dia.

Gordura Insaturada

A gordura insaturada é a gordura de origem vegetal. É encontrada em azeite de oliva, óleo de milho e canola, castanha do Pará, amêndoa, salmão, sementes de linhaça, abacate e outros.

Em uma dieta balanceada, é recomendada a ingestão de no máximo 44 gramas de gordura insaturada por dia.

Ela faz com que o colesterol ruim diminua no organismo, porém, consumida em excesso, pode causar doenças coronarianas. A gordura insaturada não traz tanto mal como a gordura saturada quando consumida corretamente.

Gorduras Trans

A gordura trans é a gordura formada por um processo químico chamado de hidrogenação. Durante o processamento são usadas as gorduras vegetais, porém ela é transformada em acido graxo trans, e daí vem a denominação de “gorduras trans”.

Ela não faz bem a saúde e pode trazer muitos danos ao organismo, dentre eles o aumento da taxa de colesterol ruim no sangue e, ao mesmo tempo, redução do colesterol bom.

É facilmente encontrada em alimentos industrializados, como salgadinhos de pacote, batatas fritas, biscoitos, sorvetes e muitos outros.

Para não prejudicar a saúde, o ideal é evitar o consumo. Quando consumida deve-se limitar a 2 gramas por dia.

Recomendações na ingestão de gordura

A rigor, a Organização Mundial da Saúde recomenda uma dieta com consumo restrito de alimentos ricos em gordura saturada, e o consumo moderado de alimentos fontes de gorduras insaturadas.

Esta sugestão é feita com base no alto valor calórico presente em alimentos com elevado teor de gordura. Um grama de gordura fornece ao organismo 9 calorias, independentemente da origem da gordura ser vegetal ou animal.

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO