Comer carboidratos à noite é realmente prejudicial?

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

Comer carboidratos à noite é realmente prejudicial?

15 de fevereiro de 2018
Equipe Geração Fit

comer carboidratos à noite

Comer carboidratos à noite realmente prejudica a perda de peso? Descubra agora!

Dietas low-carb, ou seja, baseadas no consumo de pouco carboidratos, entraram na moda nos últimos anos. Elas são baseadas na crença de que comer muito carboidrato, especialmente na forma de alimentos como pão branco, arroz e macarrão, engorda e é ruim para a saúde.

Quando comemos muitos carboidratos simples e açúcares, que são rapidamente absorvidos pelo corpo, nosso nível de glicose no sangue sobe logo em seguida.

A não ser que você gaste essa glicose fazendo exercícios, seu pâncreas vai liberar altas quantidades de insulina para normalizar a quantidade de açúcar no sangue. E a insulina faz isso armazenando o açúcar em excesso em forma de gordura.

Muita gordura, especialmente no abdômen, pode levar a problemas sérios de saúde, como diabetes do tipo 2.

Entendendo a preocupação: o que diz a crença popular

As pessoas acabam se preocupando mais com o momento em que os carboidratos são ingeridos do que com a quantidade consumida.

Existe a crença, por exemplo, de que comê-los à noite é pior do que comê-los no café da manhã. Isso realmente faz sentido, mas somente se essa ingestão matinal for adequada ao gasto calórico das horas subsequentes.

Ao comer carboidratos de manhã, tendemos a gastar a glicose produzida logo pela manhã mesmo. Já quando ingerimos carboidratos a noite, quando nosso corpo está se preparando para dormir, a tendência é que armazenemos a energia não gasta em forma de gordura corporal.

Comer carboidratos à noite: o que diz a ciência?

Para a ciência, o mais importe não é o momento do dia em que ingerimos carboidratos, e sim o tipo de carboidrato e a quantidade ingerida.

Carboidratos simples, a base de farinha branca ou açúcar como pães brancos, bolos e guloseimas quando ingeridos sem controle e sem um gasto calórico que permita a queima, promoverão sim o ganho de peso.

Já os carboidratos complexos, aqueles elaborados a partir de grãos integrais, cuja glicose é liberada lentamente na corrente sanguínea, se ingeridos em quantidade compatível com o gasto calórico e metabolismo basal não serão capazes de proporcionar ganho de peso, mesmo quando ingeridos à noite.

Logo, não se pode afirmar que existe uma regra exata e todo mundo que ingerir carboidratos a noite irá engordar. Isso vai depender basicamente dos 3 fatores que detalhamos acima: tipo de carboidrato, quantidade e de quão capaz é o metabolismo de quem está os consumindo.

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO