Aeróbico na esteira ou no transport (elíptico): qual é melhor?

Receba dicas exclusivas sobre nutrição, atividade física e bem-estar. Cadastre seu melhor e-mail ao lado (é grátis)!

Aeróbico na esteira ou no transport (elíptico): qual é melhor?

24 de janeiro de 2017
Equipe Geração Fit

aeróbico na esteira

O aeróbico na esteira ou transport qual é melhor? Apesar de os aparelhos apresentarem adaptações semelhantes, quando o assunto é a capacidade cardiovascular de pessoas que estão iniciando um programa de treino aeróbio, cada um tem suas particularidades.

O transport ou elíptico em comparação a esteira, causa menos impacto sobre as articulações, sendo portanto a melhor opção para quem está acima do peso ou se recupera de uma lesão.

No transport o impacto sobre os joelhos é de aproximadamente duas vezes o seu peso do corpo. Já na esteira, o impacto pode ultrapassar três vezes o peso corporal, em uma corrida leve.

Por outro lado, o impacto resultante do contato dos pés com a esteira ajuda a fortalecer os ossos, benefício importante para aquelas que não sentem dores articulares e que não estão se recuperando de lesão.

Outro ponto que os diferencia: gasto de calorias e aumento do VO2 máx. O aérobico na esteira apresenta uma força de reação contra o solo bastante significativa, apesar dos seus sistemas de amortecimento que minimizam o impacto.

Devido a essa característica, a queima calórica pode chegar a até 400 calorias em 30 minutos de atividade. O transport, por sua vez, pode atingir uma queima calórica de até 250 calorias no mesmo tempo, justamente por não existir força de reação.

Apenas por isso, a maior parte das pessoas certamente apostaria na esteira. Mas estudos da Universidade de Missouri-Columbia (EUA) mostram que a falta de impacto nas articulações permite queimar quase a mesma quantidade de calorias que a esteira, com a vantagem de que o usuário tem a sensação de que o esforço que ele está fazendo é menor.

De acordo com a pesquisa, se uma pessoa quiser queimar exatamente as mesmas calorias que as eliminadas quando se usa a esteira, ela terá de ficar no elíptico 10% mais tempo.

Como a maior parte das pessoas está acostumada a andar, trotar e correr, a esteira geralmente é o exercício mais natural para a maioria e elas conseguem queimar mais calorias porque se sentem confortáveis na atividade.

Muitas pessoas sentem dificuldade em se equilíbrar quando começam a se exercitar no elíptico e tendem a segurar nas barras do aparelho.

Os resultados do estudo mostraram que segurar nas barra reduz o VO2 (a porcentagem do VO2 máx., ou seja, a intensidade na qual uma pessoa se exercita) e o gasto calórico.

Portanto, para quem não tem problema em se equilibrar, o recomendado é segurar cada barra com apenas dois dedos de uma das mãos para reduzir esse efeito. Essa mudança simples na posição da mão faz uma tremenda diferença.

Equipe geração fit

Nós ajudamos mulheres a atingir uma vida mais plena e saudável, através de conteúdo responsável e de alta qualidade, sobre os mais diversos temas ligados às áreas de Nutrição e Atividade Física.


DEIXE SEU COMENTÁRIO